Description

O Herbário Uberlandense (HUFU) consiste em uma coleção de plantas secas que serve como referência para trabalhos de pesquisa em diversas áreas da biologia, notadamente da Sistemática Vegetal. Além disso, a coleção pode servir em projetos pedagógicos relacionados com a Botânica e também para trabalhos de extensão que envolvam a diversidade vegetal. Trata-se de um dos maiores herbários de Minas Gerais e possui uma coleção de referência para o Triângulo Mineiro e arredores.

O HUFU foi criado em 1984 juntamente com o antigo Departamento de Biociências da Universidade Federal de Uberlândia, com o objetivo de congregar espécimes botânicos da flora regional. Inicialmente o herbário foi criado com uma coleção de cerca de 500 exsicatas. A partir de 1986, com a aquisição da Estação Ecológica do Panga pela Universidade Federal de Uberlândia, houve um grande incremento de coletas nesta Estação permitindo a expansão do acervo. No ano de 1989, quando o total do acervo se aproximava de 5.000 exsicatas depositadas, providenciou-se o reconhecimento oficial do herbário junto ao Index Herbariorum, que é um registro internacional de todos os herbários públicos do mundo. A partir daí, o herbário passou a ser denominado Herbarium Uberlandense, com o acrônimo oficial de HUFU.

Em 2004, o Herbarium Uberlandense (HUFU) passou a ser um órgão complementar do Instituto de Biologia da Universidade Federal de Uberlândia com atuação científico-pedagógica. E no ano de 2005 o herbário HUFU foi credenciado junto ao Conselho de Patrimônio Genético do Ministério do Meio Ambiente (CGEN/MMA), como fiel depositário de exemplares-testemunho das pesquisas botânicas.

O acervo do Herbarium Uberlandense conta atualmente com cerca de 68.000 exemplares registrados e constitui uma importante coleção de referência para a flora do Cerrado do estado de Minas Gerais. A coleção tem sido ampliada consistentemente por coletas de pesquisadores da Universidade Federal de Uberlândia. As atividades de rotina incluem a atualização das identificações e a permuta de exemplares com outras Instituições, o que tem resultado em um aumento no número de exsicatas e num acervo com identificação comprovada por especialistas.

Taxonomic range

Number of specimens in the collection

Click the Records & Statistics tab to access those database records that are available through the atlas.

Usage statistics

Metadata last updated on 2019-10-07 16:54:25.0

Digitised records available through the Atlas

Looking up... the number of records that can be accessed through the SiBBr Click to view all records for the Herbário Uberlandense collection

No records are available for viewing in the SiBBr.

Images from this collection