Descrição

A Coleção de Campylobacter (Fiocruz/CCAMP) possui um acervo de extrema importância para a comunidade científica, já que, atualmente, este grupo bacteriano ocupa local de destaque nas linhas de pesquisas de laboratórios em todo o mundo. As espécies termofílicas de Campylobacter são consideradas a maior causa de doença diarreica e/ou disentérica de origem bacteriana nos países industrializados, levando a um intenso monitoramento da campilobacteriose por parte das entidades de vigilância epidemiológica. No Brasil, a presença de Campylobacter spp. não é investigada na maioria dos casos de gastrenterites bacterianas, porque as metodologias de isolamento e caracterização são diferentes daquelas utilizadas na pesquisa dos enteropatógenos bacterianos tradicionais, como as salmonelas, as shigelas e os grupos das E. coli. No controle sanitário dos alimentos de origem animal, em particular das aves, a investigação deste grupo de bactérias vem se intensificando para o cumprimento da legislação vigente. Na Coleção há isolados de materiais clínicos de seres humanos, culturas oriundas de outros animais de sangue quente, linhagens de origem ambiental e alimentar, além de material de referência proveniente de instituições reconhecidas mundialmente. A CCAMP está filiada à World Federation for Culture Collections, WFCC, sob o registro WDCM 1052.

Conservação: criopreservação à -80ºC, criopreservação por nitrogênio líquido. Serviços: fornecimento de material biológico, depósito, caracterização taxonômica, manutenção e preservação de culturas.

Cobertura taxonômica

Adquirir, preservar, identificar, catalogar e distribuir micro-organismos autenticados para dar suporte à pesquisa científica, estudos epidemiológicos, bem como ao desenvolvimento e produção de bioprodutos para diagnóstico, vacina e medicamentos, atuando também como provedores de serviços especializados.

Reinos cobertos incluem: Eubacteria.

The Coleção de Campylobacter collection inclui membros dos seguintes taxa:
Gênero Campylobacter.

Cobertura geográfica

A Coleção é constituída por espécimes do território brasileiro.

Australian states covered include: Bahia, Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo e Rio Grande do Sul..

Número de specimens na coleção

O Número estimado de specimens in the Coleção de Campylobacter collection é 1,669.

Destes 128 estão em base de dados. Isto representa 7,7 % da coleção.

Clique na guia Registros e Estatísticas para acessar os registros do banco de dados que estão disponíveis no SiBBr.

Estatísticas de uso

Ùltima atualização de metadados em 2019-06-04 10:55:21.0

Registros digitalizados disponíveis através do SiBBr

The Coleção de Campylobacter collection has an estimated 1,669 specimens.
A coleção está numa base de dados 7,7 % destes (128 registros).

Procurando... o Número de registros que pode ser acessado através do SiBBr Clique para exibir todos os registros para o Coleção de Campylobacter collection

Nenhum registro está disponível para visualização no SiBBr.

Imagens desta coleção