Description

A Coleção de Protozoários (Fiocruz/COLPROT) dedica-se à preservação, armazenamento, distribuição e caracterização taxonômica de protozoários. Desta forma, a COLPROT contribui gerando conhecimento científico acerca dos isolados constituintes da Coleção por meio de projetos de pesquisa desenvolvidos por estudantes de pós-graduação da própria Coleção, bem como atua fornecendo isolados para instituições públicas de pesquisa e ensino subsidiando pesquisas científicas por outros grupos. A COLPROT dedica-se a preservação de protozoários de importância para pesquisa científica, epidemiológica e clínica. O acervo é constituído majoritariamente por representantes da classe Kinetoplastea, contando com uma ampla variedade de representantes do gênero Trypanosoma. A Coleção alberga ainda uma ampla variedade de tripanossomatídeos de insetos e plantas, com representantes de pelo menos nove gêneros e protozoários de vida livre como Euglena, Bodo. A COLPROT vem expandindo seu acervo por meio de depósitos dos isolados de protozoários obtidos de pesquisadores com expertise em determinados táxons, assim como pela equipe da COLPROT por meio de projetos que visam o isolamento de tripanossomatídeos monoxênicos no bioma mata atlântica. A COLPROT está filiada à World Federation of Culture Collection, WFCC, sob o registro WDCM 1020.

Conservação: culturas ativas, criopreservação por nitrogênio líquido. Serviços: manutenção e preservação de culturas, fornecimento de material biológico, depósito, caracterização, identificação e autenticação taxonômica e treinamento.

The collection was established in 1926 and continues to the present.

Taxonomic range

Adquirir, preservar, identificar, catalogar e distribuir micro-organismos autenticados para dar suporte à pesquisa científica, estudos epidemiológicos, bem como ao desenvolvimento e produção de bioprodutos para diagnóstico, vacina e medicamentos, atuando também como provedores de serviços especializados.

Kingdoms covered include: Protista.

Geographic range

A Coleção é constituída por espécimes isoladas de sete países, sendo a maior parte do acervo isolado no Brasil.

Australian states covered include: Amazonas, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, São Paulo e Sergipe..

Number of specimens in the collection

The estimated number of specimens in the Coleção de Protozoários collection is 505.

Of these 83 are databased. This represents 16.4 % of the collection.

Click the Records & Statistics tab to access those database records that are available through the atlas.

Usage statistics

Metadata last updated on 2019-07-30 15:19:26.0

Digitised records available through the Atlas

The Coleção de Protozoários collection has an estimated 505 specimens.
The collection has databased 16.4 % of these (83 records).

Looking up... the number of records that can be accessed through the SiBBr Click to view all records for the Coleção de Protozoários collection

No records are available for viewing in the SiBBr.

Images from this collection